quinta-feira, 16 de abril de 2015

Parabéns Germanda, pela conquista!

Germanda Nunes, de 13 anos, teve redação escolhida entre centenas, ela ficou em 2º lugar com uma carta destinada a Deus pedindo um mundo melhor.
 
A aluna Germanda Nunes Vieira de Melo, que está cursando o 8º Ano, na Escola Estadual Deusa Moraes, ficou em segundo lugar na Fase Estadual do Concurso Internacional de Redação de Cartas, promovido pela União Postal Universal (UPU) e que conta, aqui no Brasil, com o apoio dos Correios.

O Concurso é realizado anualmente e está na sua 44ª Edição e, no cenário internacional, o Brasil é o 2º colocado em número de vitórias com três medalhas de ouro, duas de prata e uma medalha de bronze. Perde apenas para a China que obteve 5  medalhas de ouro.

Com o objetivo desenvolver a habilidade de composição dos jovens e contribuir para o fortalecimento das relações de amizade internacionais, além de aprimorar a comunicação por meio da escrita, este ano o Concurso pedia aos jovens que escrevessem uma carta para descrever o mundo onde gostaria de crescer.
Para desenvolver o tema, a aluna Germanda escreveu uma carta destinada a Deus, em que afirma que apesar de tantos desastres naturais acontecendo no mundo, o que mais a preocupa são as ações dos homens, que promovem guerras, atos de vandalismo, de destruição, que assassinam brutalmente milhões de outros em nome da fé. Em sua carta, Germanda fala que o mundo perfeito seria aquele que tivesse uma sociedade firmada em sólidos valores morais, com pessoas que soubessem perdoar seus inimigos, se amassem e se respeitassem. Pede ainda uma sociedade na qual não prevaleça o egoísmo, o orgulho, a ira, a inveja, a discriminação, e que uns se ajudassem aos outros, tendo no centro a família como base de tudo.

A coordenadora pedagógica da escola, Berenice Soares Duarte, contou que sentiu grande satisfação quando soube o resultado e ficou feliz pela aluna. “Acredito que o resultado do concurso também foi uma forma de incentivar outros alunos, que da próxima vez se dedicarão mais”, disse ela.

Como prêmio, a aluna irá ganhar um smartphone e a Escola receberá uma impressora multifuncional. Germanda conta que a leitura sempre fez parte de sua vida, ela prefere romances e livros de aventura e tem por hábito ler pelo menos um livro por semana. Inteligente, ela sabe que esse foi o diferencial para ter se saído bem no Concurso de Redação, além da orientação da professora Sandra Tiezzi que ministrou oficina de redação de cartas argumentativas e debateu o tema com os alunos. De acordo com a professora, Ana Gorete Menezes, Germanda é uma aluna muito dedicada e estudiosa, o que a torna merecedora dessa conquista. 

Fonte:Surgiu

sábado, 11 de abril de 2015

1ª AUDIÊNCIA PÚBLICA DE EDUCAÇÃO. I APE/2015

Está acontecendo na escola estadual Deusa Moraes, a 1ª AUDIÊNCIA PÚBLICA DE EDUCAÇÃO.  para a elaboração do Plano Estadual de Educação.

                         DA REALIZAÇÃO E CARÁTER DA AUDIÊNCIA

Art. 1º O Fórum Estadual de Educação (FEE/TO), acatando a deliberação do Ministério da Educação (MEC) e da Lei nº 13.005/2014 (PNE 2014-2024), e da Lei Estadual nº 1.859/2007 (PEE 2006-2015), coordena e estabelece os procedimentos para consolidação do novo Plano Estadual de Educação (2015-2025), por meio da I Audiência Pública de Educação (APE/2015), Etapas Escolar/Municipal, Regional e Estadual, entre os dias 8 de abril e 15 de maio de 2015.

Parágrafo único. A I APE/2015 possui caráter consultivo, deliberativo e apresentarão propostas, advindas dos municípios, das unidades escolares e das diretorias regionais de educação e Secretaria de Estado da Educação (SEDUC), no contexto da construção de um processo participativo e democrático, abrangendo especialmente a participação popular, a cooperação interfederativa e o regime de colaboração. 



Art. 2º A I APE/2015 – Etapa Regional tem por objetivos:


I – OBJETIVO GERAL – Propor ao Documento Referência/2015 – Volume II, contribuições para a política estadual de educação, indicando responsabilidades, co-responsabilidades, atribuições concorrentes, complementares e colaborativas entre os entes federados e os sistemas de ensino.

PROGRAMAÇÃO:

1º Momento
  • Inscrição
  • Boas Vindas- Diretora  Margot
  • Devocional- Supervisora Escola-Esmeralda
  • Leitura coletiva do Regimento da IAudiência Pública
  • Encaminhamento dos grupos para estudo dos eixos
  • orientação da metodologia

2º Momento

Plenária



























1ª AUDIÊNCIA PÚBLICA DE EDUCAÇÃO (I APE/2015)

DIA 11 DE ABRIL DE 2015. NA ESCOLA DEUSA MORAES.


sexta-feira, 13 de março de 2015

ATIVIDADES DO USUÁRIOS DA BIBLIOTECA MONTEIRO LOBATO

A aluna  Ana Maria do 5º ano vespertino, da professora Marcilene, esteve hoje pela manhã na biblioteca acompanhada de sua mãe, dona Raimunda de Fátima, realizando pesquisa de ciências, conteúdo: tipos de lixo.
 A Equipe Deusa Moraes agradece a Dona Raimunda pelo apoio à escola nos ajudando na educação de sua filha.




BIBLIOTECA MONTEIRO LOBATO

A Biblioteca da Escola Estadual Deusa Moraes comandada pelas professoras Lusineth Alves de Almeida e Glória Magalhães Nogueira, estará desenvolvendo vários projetos de incentivo à leitura, como Biblioteca Ambulante, premiação aos alunos leitores que se destacarem pela quantidade de livros lidos, eventos em datas comemorativas e outras ações em parceria com artistas e instituições locais.

A Escola Estadual Deusa Moraes, a primeira escola pública fundada em Paraíso, começou a temporada 2015, sob a direção da professora Margot Alves Araújo, que declarou que veio para somar e dar continuidade ao trabalho implantado pelas gestões anteriores, uma diretora pedagógica e humana.





Texto:Zequinha de Moraes


terça-feira, 10 de março de 2015

Exposição de Maquetes / Sociedade Feudal- Disciplina História

Com o objetivo de diversificar a construção do conhecimento, a professora de História, Auta Fernandes, desenvolveu com os alunos das turmas 72.01, 72.02 (matutino) e 72.03 (vespertino) a elaboração de maquetes sobre o mundo feudal. Após estudos em sala de aula, quando os conceitos teóricos foram repassados aos estudantes, dividiu-se a sala em grupos de 5 alunos e cada grupo ficou responsável pela confecção de uma maquete representativa da sociedade feudal com as suas classes sociais (nobreza, clero, servos). No dia 03 de março, cada grupo apresentou o seu trabalho em sua própria sala de aula e fez também a exposição oral sobre o que representava o seu trabalho. Para que todos os alunos da Unidade Escolar pudessem contemplar e aprender também sobre o Feudalismo, todas as maquetes construídas foram expostas no pátio da Escola nos dias 05 e 06 de março.

















Texto e Fotos: Sandra Tieze